Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Canto de conversas

Umas vezes em modo Zen, outras nem por isso

Canto de conversas

Umas vezes em modo Zen, outras nem por isso

E eu respondo sinceramente. Porque gosto de séries que me estimulem o cérebro, aquela coisa das pistas, das deduções, da procura de culpado, do porquê dos crimes e porque, ainda que sejam ficção, há ali muita verdade no que toca a toda a maldade e mentes completamente pérfidas, que são capazes das piores coisas. E é sempre bom saber.

26 Fev, 2015

Feitios

Há uma pessoa dentro do meu círculo de confiança - de quem gosto muito, não imaginando mesmo a vida sem ela - que quando escasqueta num assunto, fala e fala e volta a falar nele até à exaustão. Quando estou virada para aí, até nem me importo. Mas quando me apetece é estar sossegada ou quando tenho outras coisas para fazer, confesso que é difícil manter a compostura.

25 Fev, 2015

Estou aliviada.

Ao fim de bastante tempo e muitas discussões, resolveu-se uma questão que, por ter demorado tanto tempo a decidir, era urgente ficar fechada. É difícil explicar o alívio que senti.

Pág. 1/6