Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Canto de conversas

Umas vezes em modo Zen, outras nem por isso

Canto de conversas

Umas vezes em modo Zen, outras nem por isso

E o impensável aconteceu

18.09.18, Carla
Este pequeno blog e a sua dona receberam uma proposta de uma empresa para escreverem posts por eles. E a pesquisa da dita empresa é tão 'cuidada' que os posts seriam sobre fotografia, imagine-se (!), que até é o tema mais abordado por aqui (só que não!).   Pequeno blog, estás a ficar importante!   Espera... se calhar não. Se calhar andam a atirar em todos os sentidos para ver se apanham algum pardal...   Agora a sério, esta gente está assim tão desesperada que tem (...)

Sapos do ano 2017

28.11.17, Carla
E agora toca a votar nos vossos favoritos. São 5 em cada categoria. É só ir ao blog da Magda e clicar. É fácil, é de graça e dá... Um pacote de açúcar extra a cada um dos vencedores. Bem bom!   Os meus votos já lá cantam. Que vençam os melhores.  

Hoje é dia de aniversário 🎂

01.10.17, Carla
Em três anos, acho que é a primeira vez que me lembro de que este blog completou mais um ano.   Três anos de posts, numas alturas mais preenchido, noutras mais esquecido, com muitos momentos felizes e outros muito tristes. (muito menos, felizmente).    Aqui falou-se de livros, de crochet, de gratidão, da família, do trabalho, enfim, da vida como ela é.   E é isso, três anos de, como dizia no primeiro post, "um blog sem grandes ambições, apenas a de escrever o que me for (...)

Vamos lá a ver...

03.08.17, Carla
é impressão minha ou neste momento já não faz sentido nenhum alguém escrever um post com o tema "o que ninguém me contou" relativamente à gravidez e maternidade?   É que com a quantidade de posts que já foram escritos nos últimos dias/meses/anos com o mesmo título/tema, é praticamente impossível que ainda haja alguma coisa que não vos tenham contado 😋

Mudei

30.01.17, Carla
Ou melhor, aproximei mais. A querida Gaffe resolveu que este Canto de Conversas teria o privilégio de ter um template feito por ela. E como ela me 'leu' bem. Sem me conhecer pessoalmente, sem me fazer perguntas, elaborou um header com uma personagem que tem quase tudo de mim. Tímida, observadora, ligada às minhas raízes, sem artifícios. É assim que sou, é assim que vejo aquela pessoa do header quando fixo o olhar nela.